sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Assembleia Legislativa devolve mais R$ 70 milhões para Governo do Estado; Beto Richa afirma que vai aplicar o dinheiro em áreas prioritárias

Da AEN:

 Mesa diretora e deputados da AL economizaram e devolveram ao Executivo R$ 90 milhões em 2011. Dinheiro vai para Saúde, Segurança e Assistência Social. Fotos AENotícias. 

O governador Beto Richa afirmou ontem, quinta-feira (15/12), que irá aplicar em saúde, segurança e assistência social os R$ 70 milhões devolvidos pela Assembleia Legislativa aos cofres do Estado. Os recursos são resultado da economia feita com a reorganização administrativa promovida pelo legislativo ao longo do ano. 
Somados com outras duas parcelas de R$ 10 milhões cada, transferidas ao Estado em maio e agosto, os recursos devolvidos ao governo pela Assembleia totalizam R$ 90 milhões. Um cheque simbólico com este valor foi entregue ao governador Beto Richa pelo presidente da Casa, deputado Valdir Rossoni. “Este ato demonstra que essa Casa está afinada com o tempo de austeridade nos gastos públicos. Esse dinheiro irá melhorar a qualidade de vida dos paranaenses”, disse o governador. 
Richa agradeceu o esforço dos 54 deputados estaduais e destacou a relação republicana e democrática entre os poderes Executivo e Legislativo, na promoção do interesse público. “Um momento histórico para o Paraná, que é marcado pela sintonia, diálogo e parceria entre os poderes”, afirmou Richa, lembrando que a meta inicial de economia do legislativo era de R$ 40 milhões. 
Os primeiros recursos devolvidos foram destinados para a área de segurança pública - para a implantação de módulos policiais móveis -, para saúde – compra de equipamentos para hospitais próprios do Estado - e ações de caráter social. 

MEDIDAS SANEADORAS - Acompanhado de outros deputados estaduais, Valdir Rossoni agradeceu o apoio do governador para as medidas saneadoras realizadas na Assembleia desde o início do ano e definiu como meta a devolução de R$ 300 milhões até o final de 2014. “Um conjunto de ações e esforços que possibilitaram esse grande repasse, que irá apoiar o governo estadual nos programas para o povo paranaense. A Assembleia Legislativa nunca mais será o que ela era”, disse o presidente. 
Segundo Rossoni, a devolução dos recursos ao governo foi possível por conta de um conjunto de medidas administrativas implantadas pela Mesa Executiva, como a redução do número de funcionários, revisão de contratos e cortes da cota de combustíveis e de gratificações indevidas pagas a funcionários, entre outras. 
Ele explicou que a intenção da Mesa Executiva em 2012 é informatizar todo o sistema administrativo da Casa. “Com isso, iremos reduzir mais custos”, garante ele. O presidente disse ainda que na tarde desta terça-feira será realizada uma sessão plenária para apresentação de um balanço geral da administração da Assembleia em 2011.



Nenhum comentário:

Postar um comentário