domingo, 16 de dezembro de 2012

Observatório do CAMBÉ DE FATO

do Observatório, do CAMBÉ DE FATO:

A culpa é da imprensa - Na última terça-feira (11/12), a Direção Nacional do PT divulgou uma nota oficial sobre as denúncias feitas pelo empresário Marcos Valério contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva divulgadas em O Estado de São Paulo. O comunicado critica a imprensa.
Em texto assinado pelo presidente nacional do partido, Rui Falcão, o PT “lamenta o espaço dado pela imprensa para as supostas denúncias assacadas pelo empresário Marcos Valério”.
“Caso essas declarações efetivamente tenham sito feitas em uma tentativa de ‘delação premiada’ deveriam ser tratadas com a cautela que se exige nesse tipo de caso. Infelizmente, isso não aconteceu”, diz a nota do PT criticando toda a imprensa. “Trata-se de uma sucessão de mentiras envelhecidas, todas elas já claramente desmentidas. É lamentável que denúncias sem nenhuma base na realidade sejam tratadas com seriedade. Valério ataca pessoas honradas e cria situações que nunca existiram, pondo-se a serviço do processo de criminalização movido por setores da mídia e do Ministério Público contra o PT e seus dirigentes”, sinaliza a nota do PT.

Impressão - Sem fazer juízo de valor do conteúdo das denúncias, parece  que  o PT, que no passado foi  estilingue, não está gostando de ser vidraça...

O sonho (deles) acabou: deputados estaduais vão ficar sem aposentadoria especial - O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Valdir Rossoni (PSDB), assinou no final da tarde de quarta (12) o ato indeferindo o requerimento para a implantação da aposentadoria especial dos parlamentares. Rossoni ressaltou que, segundo parecer da Procuradoria Geral da Casa, não existe legitimidade do atual chefe do Poder Legislativo para promulgar o projeto de lei nº 544/2008, inclusive por já estar arquivado.
Segundo Rossoni, o posicionamento jurídico sinaliza para a extemporaneidade da proposta, uma vez que foi pleiteada na legislatura passada. “Está evidenciada a falta de legitimidade do presidente para promulgar o projeto. E, portanto, estou indeferindo o requerimento e a proposta continua arquivada”, afirmou, lembrando que já se passaram quatro anos desde a propositura de aposentadoria.
Para Valdir Rossoni, “o assunto aposentadoria dos deputados está encerrado”. Aleluia!

Apócrifo sobre a Santa Casa- Alguém produziu um longo texto sem nenhuma assinatura e também sem compromisso algum com a verdade dos fatos sobre a intervenção na Santa Casa de Cambé. O texto acusa, entre outras coisas, de que a intervenção teria ‘motivação política’. Segundo declarou a promotora Adriana Lino, em reunião com lideranças comunitárias, realizada na própria Santa Casa, o texto de quase dez páginas e seu(s) autor(es) serão objeto de um inquérito policial.

Deixaram uma dívida de R$ 10 milhões- Na mesma reunião, a interventora Maria das Mercês de Matos Peixoto da Silva revelou que as dívidas deixadas pela diretoria anterior da Santa Casa chegam a R$ 10 milhões e que há fornecedores que estão sem receber a quase um ano.

Cortando o celular corporativo- A interventora da Santa Casa e seu colegiado já tomaram muitas decisões para equilibrar as finanças do hospital. Apenas para ilustrar, uma das medidas foi o corte de um pacote de telefone celular ‘corporativo’ que tinha cerca de seis aparelhos que eram usados por membros da antiga diretoria. A conta, dizem alguns, prá lá de salgada, era paga pelo hospital, ou seja, pelos usuários.

Só para registrar-  Enquanto afundava em dívidas e faltava dinheiro para comprar os remédios obrigatórios para a UTI e para os atendimentos dos usuários do SUS, a diretoria anterior da Santa Casa de Cambé utilizava celulares pagos com dinheiro do hospital.

Pensando bem...- Papel apócrifo não tem assinatura, mas pode ter digitais...e até mesmo DNA.
É só cruzar os alvos descritos no papel com quem tem interesse em bater. A polícia faz o resto...

Nenhum comentário:

Postar um comentário