sexta-feira, 16 de março de 2012

Projeto da Casa Abrigo de Cambé recebe prêmio nacional

Da SeCom:

A Casa Abrigo de Cambé foi classificada em terceiro lugar na categoria de municípios de médio porte do Concurso Nacional de Boas Práticas de Gestão do Congemas – Colegiado Nacional de Gestores Municipais de Assistência Social. Outros dois municípios paranaenses foram classificados também na terceira colocação: Curitiba na categoria de metrópoles e São José dos Pinhais na categoria de municípios de grande porte.
O trabalho premiado de Cambé, cujo certificado será entregue durante encontro nacional em Fortaleza, de 21 a 23 de março, é denominado “A referência e contra-referência no abrigamento de crianças e adolescentes: o diferencial na política de proteção especial”. 
O projeto vencedor da categoria municípios de médio porte é de Indaial, em Santa Catarina. O segundo lugar coube a Serra Talhada, em Pernambuco.
A Casa Abrigo de Cambé foi fundada em junho de 1995 e atualmente tem como coordenadora Rosemeiri Baptista Marion. Uma das incentivadoras para a intalação do projeto no município foi a atual vice-prefeita, Cidinha Pascueto. A Casa Abrigo é mantida pela Secretaria Municipal de Assistência Social e pela Associação de Proteção à Maternidade e à Infância (APMI) e funciona na Rua Buritis, 325, Jardim Alvorada.
A Casa Abrigo cumpre papel de dar suporte às famílias no cuidado com as crianças, pautado nas ações de resgate da auto estima dos envolvidos. O projeto é desenvolvido por uma equipe de 19 funcionários, entre serviços gerais e profissionais de educação, assistência social, psicologia e educação física. A capacidade é de acolher simultaneamente 25 crianças e adolescentes.

Curitiba, na categoria de metrópoles, classificou-se em terceiro lugar com o projeto “Rede solidária para o morador de rua”. São José dos Pinhais, na categoria de municípios de grande porte, classificou-se em terceiro lugar com o projeto “Café com tema: uma experiência do fazer o SUAS no município de São José dos Pinhais – Paraná, com a população em situação de rua”. A lista dos demais municípios com projetos classificados pode ser acessada no endereço eletrônico www.congemas.org.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário