sábado, 22 de janeiro de 2011

Operação Dallas da PF pode mudar resultado de eleição



Reproduzo do Blog do Fábio Campana (www.fabiocampana.com.br):

Caixa 2 de Campanha Eleitoral pode levar Fruet ao Senado

É grande a correria atrás de documentos sobre a Operação Dallas da PF, aquela das falcatruas no Porto de Paranaguá. Em especial causou interesse a informação dada pela PF, em coletiva, de que dispõe de gravações e dados de que parte do dinheiro desviado alimentou campanha eleitora.l Esta seria a causa da ida da PF a casa do suplente do senador Roberto Requião(PMDB), o empresário Luiz Mussi que foi envolvido na investigação por meio de escutas telefônicas.
A Polícia Federal investiga a ligação entre o crime e a alimentação do caixa dois da campanha do senado e de outros candidatos. Isso explicaria várias prisões e buscas e apreensões em residências de gente graúda no pedaço. Se tudo se confirmar, estará aberta a chance para Gustavo Fruet (PSDB) assumir o Senado.
A Polícia descobriu com escutas telefônicas autorizadas pela Justiça e interceptação de e-mails que a compra da draga, por US$ 45,6 milhões, favoreceria o desvio de cerca de US$ 5 milhões, que seriam usados em campanha eleitoral no Paraná.
O delegado da PF Jorge Nazário confirmou que parte do dinheiro adquirido pela quadrilha nas operações irregulares no porto foi destinada a campanhas políticas. Como nenhum político está entre os 10 presos, a investigação ainda pode respingar em candidatos da eleição de 2010.
Sábado, 22 de Janeiro de 2011 – 11:15 hs.

Nenhum comentário:

Postar um comentário